Chefe da OMS diz que Ebola está fora de controle mas pode ser contido

Margaret Chan se reuniu comos presidentes de Guiné, Libéria, Serra Leoa e Costa do Marfim nesta sexta-feira em Conacri

REUTERS

01 de agosto de 2014 | 11h03

O surto de Ebola na África Ocidental está fora de controle mas pode ser contido, disse a chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Margaret Chan, aos presidentes de Guiné, Libéria, Serra Leoa e Costa do Marfim em reunião nesta sexta-feira em Conacri.

"Essa reunião deve ser um ponto de virada na resposta ao surto", disse Chan, de acordo com transcrição divulgada pela OMS.

"Esse surto está se movendo mais rapidamente do que os nossos esforços para controlá-lo. Se a situação continuar a piorar, as consequências podem ser catastróficas em termos de perda de vidas, mas também severas perturbações socio-econômicas e alto risco de disseminação para outros países."

(Reportagem de Tom Miles)

Tudo o que sabemos sobre:
EBOLAOMSFORADECONTROLE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.