Chefe dos inspetores da ONU se recusa a viajar ao Iraque

O chefe dos inspetores de armas da ONU, o sueco Hans Blix, se recusou a viajar ao Iraque antes de um compromisso claro do governo de Saddam Hussein sobre o controle de seus arsenais. Blix quer que o presidente iraquiano aceite a resolução do Conselho de Segurança da ONU e deixe a equipe de inspetores entrar no país antes de convidar alguém para ´conversas técnicas´, segundo informou neste domingo o jornal árabe Al Hayat.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.