Chefe militar dos insurgentes líbios é assassinado

O chefe militar dos insurgentes líbios, Abdel Fattah Younes, foi morto nesta quinta-feira em Benghazi, informou o Conselho de Transição Nacional da Líbia. Younes foi preso mais cedo pelos próprios insurgentes e segundo os rebeldes seria interrogado mais tarde, sob suspeitas de que sua família ainda mantinha laços com o regime do governante líbio Muamar Kadafi.

AE, Agência Estado

28 de julho de 2011 | 17h41

O chefe do Conselho, Mustafá Abdul-Jalil, não explicou as circunstâncias da morte de Younes.

As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
LíbiaconfrontosinsurgentesBenghazi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.