Chile votará contra proposta dos EUA na ONU

O Chile anunciou nesta quinta-feira que votarácontra uma resolução proposta pelos Estados Unidos no Conselho de Segurança da ONU que abriria o caminho para um ataque contrao Iraque.Depois de uma longa reunião da qual participaram os principais líderes políticos do país, tanto do governo como da oposição, a chanceler chilena, Soledad Alvear, anunciou a esperada decisão do presidente Ricardo Lagos.Alvear afirmou que, quando for posta em votação a proposta de dar um prazo até o próximo dia 17 para o desarmamento do Iraque, "vamos rechaçá-la", acrescentando que "ainda há negociaçõesem curso".O Chile é membro não-permanente do Conselho e seu voto é considerado crucial neste momento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.