China anuncia fundo de US$ 1,6 bi para combater poluição

O governo chinês anunciou que separou 10 bilhões de yuans (US$ 1,6 bilhão) este ano para remunerar cidades e regiões que fizerem progresso significativo no controle da poluição, destacando que a questão se tornou uma prioridade para o país.

Agência Estado

13 de fevereiro de 2014 | 15h33

O fundo, porém, não oferecerá subsídios para a prevenção e controle da poluição do ar, segundo comunicado divulgado nesta quinta-feira. O texto frisou que o consumo de carvão deve ser controlado e pediu mais esforços para melhorar a gasolina para os veículos.

O governo está ansioso para mostrar melhora na poluição do ar na China, que vem desagradando a população e prejudicando a imagem do país no exterior.

Separadamente, a agência oficial de notícias do país, Xinhua, informou que a prefeitura de Pequim vai fechar 300 fábricas poluidoras este ano para melhorar a qualidade do ar na cidade. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinapoluiçãocombate

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.