China conduzirá exercícios militares na costa sudeste

O Ministério de Defesa da China anunciou o início de exercícios militares na costa sudeste a partir de terça-feira. O ministério também estabeleceu rotas de voos alternativas. Os exercícios fazem parte de simulações de guerra regulares para melhorar as operações militares, esclareceu o ministério, em documento.

AE, Agência Estado

28 Julho 2014 | 04h16

O texto não ofereceu detalhes sobre onde exatamente os exercícios acontecerão, mas ressaltou que funcionários foram enviados a aeroportos regionais para facilitar a troca de voos civis para rotas alternativas e reduzir o impacto sobre os viajantes. Os militares também designaram corredores de espaço aéreo protegidos para reduzir interrupções nos serviços.

A China possui o segundo maior mercado de viagens aéreas do mundo, mas a maior parte do espaço aéreo é controlado pelos militares. As restrições relacionadas ao Ministério da Defesa são a principal razão para o país ter uma das piores marcas do mundo de saídas de voos dentro do horário programado.

Na semana passada, a Administração de Aviação Civil alertou que os voos poderiam sofrer alterações em uma grande porção do leste chinês até meados de agosto. Mais de 100 voos nos dois aeroportos internacionais de Xangai foram atrasados ou cancelados em 14 de julho, o que levou a rumores de que os jogos de guerra eram o motivo. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
China exército

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.