China critica nova postura nuclear dos EUA

Pequim pediu a Washington para se desfazer de sua "mentalidade de Guerra Fria e que assuma sua responsabilidade principal no desarmamento nuclear"

EFE

04 Fevereiro 2018 | 04h18

PEQUIM - A China manifestou neste domingo, 04, sua firme oposição à Revisão da Postura Nuclear (NPR, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, com a qual pretende reforçar seu estratégia de dissuasão nuclear e na qual adverte da crescente ameaça que representa este país asiático devido ao reforço de suas forças nucleares.

O Ministério de Defesa chinês afirmou que o documento elaborado pelos departamentos americanos de Defesa, Estado e Energia especula com a intenção do desenvolvimento chinês e exagera com a ameaça da força nuclear de China.

+++ Teste nuclear da Coreia do Norte seria mensagem à China, alegam especialistas

"Esperamos que (EUA) compreendam corretamente a intenção estratégica de China e tenham uma visão justa sobre a defesa nacional e o desenvolvimento militar de China", disse o porta-voz de Defesa, Ren Guoqiang, citado pela agência de notícias estatal "Xinhua".

Assim, Pequim pediu a Washington para se desfazer de sua "mentalidade de Guerra Fria e que assuma sua responsabilidade principal no desarmamento nuclear". /EFE

 

Mais conteúdo sobre:
China [Ásia] Pequim [China]

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.