China culpa Ocidente por fracasso na Síria

A China responsabilizou hoje o Ocidente por obstruir esforços diplomáticos e políticos para restaurar a ordem e a paz na Síria. Os Estados Unidos e outros países têm criticado a China e a Rússia por usarem seu poder de veto no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) para bloquear medidas mais duras contra o presidente sírio, Bashar Assad.

AE, Agência Estado

04 de agosto de 2012 | 12h17

O vice-diretor para assuntos do norte da África e Oriente Médio do Ministério das Relações Exteriores chinês, Wang Kejian, disse que alguns países ocidentais impediram e sabotaram o processo político ao defender uma mudança de regime.

Wang reiterou a posição da China de que a solução para a crise na Síria deve ser política e a oposição do país asiático a qualquer tipo de intervenção militar. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
SíriaChinaOcidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.