China e Síria são contra expansão da guerra

Síria e China manifestaram neste domingosua oposição à expansão da guerra liderada pelos Estados Unidos contra o terrorismo além das fronteiras do Afeganistão, informou a SANA, agência estatal de notícias síria. As conversações entre o ministro chinês das Relações Exteriores, Tang Tang Jianxuang, que visita o país, e o presidente da Síria, Bashar Assad, "tiveram como tema as mudanças e a importância de realizar esforços mundiais unificados para ajudar que as operações atuais não passem do Afeganistão", informou a SANA. Tang chegou ontem a Damasco como parte de uma viagem pelo Oriente Médio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.