China e Taiwan marcam conversas formais para fevereiro

Autoridades de alto escalão encarregadas das relações entre a China e Taiwan marcaram uma data para discussões no próximo mês. Embora representantes dos dois governos tenham se encontrado antes, a reunião marcada para 11 de fevereiro será a primeira formal envolvendo autoridades encarregadas de estreitar as relações entre os dois países.

AE, Agência Estado

28 de janeiro de 2014 | 14h44

O diretor do Conselho de Assuntos Externos de Taiwan, Wang Yu-chi, disse que a agenda do encontro será modesta e deve evitar tocar no objetivo de reunificação de Pequim. O propósito da reunião com Zhang Zhijun, chefe do escritório chinês de assuntos relacionados com Taiwan, deve ser "aumentar o entendimento mútuo e a interação", afirmou Wang.

"Não temos intenção de conversar sobre assuntos muito políticos", afirmou Wang. "Se Zhang Zhijun pretende visitar Taiwan, eu espero que ele também não mencione a reunificação."

Embora Pequim continue reclamando soberania sobre Taiwan e não tenha revogado a ameaça de tomar a ilha à força se necessário, as tensões entre os dois países diminuíram desde que Ma Ying-jeou se tornou presidente de Taiwan em 2008. Os dois lados mantém laços econômicos fortes e assinaram um pacto comercial em 2010 que reduziu as barreiras de investimento e as tarifas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaTaiwanencontro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.