China enfrenta inverno 'mais frio dos últimos 100 anos'

Na segunda-feira, milhões de chinesescontinuavam impossibilitados de viajar enquanto várias partesda China enfrentavam seu pior inverno do século. As baixas temperaturas mataram várias pessoas e deixarampassageiros presos antes do Ano Novo Lunar, também chamado deFestival da Primavera -- a única oportunidade que muitosmoradores do país têm de tirar férias. O frio também se traduziu em notícias negativas sobre aChina seis meses antes dos Jogos Olímpicos de Pequim. O presidente chinês, Hu Jintao, comandou um encontro deemergência do Politburo do país, no domingo, pela segunda vezem uma semana para tratar dos esforços de emergência. "Precisamos ter claro em mente que as condições climáticasadversas e a situação grave provocada por elas continuarãoatingindo certas regiões do sul", afirmou um comunicadodivulgado após o encontro de domingo. A Agência Meteorológica da China disse que as temperaturasatuais eram as mais baixas dos últimos cem anos nas Provínciasde Hubei e Hunan, levando-se em conta o número total de dias emque os termômetros ficaram abaixo de 1 grau Celsius. Mas prevê-se que o clima fique mais ameno daqui parafrente, apesar de os nevoeiros continuarem a representar umproblema e de as temperaturas à noite permanecerem abaixo de 0grau Celsius, atrasando o degelo. "O clima nas regiões atingidas deve melhorar nos próximosdias, mas será necessário continuar em alerta para os possíveisproblemas advindos das baixas temperaturas", afirmou ZhengGuoguang, chefe da agência. Quatro pessoas morreram quando ruiu o teto sobrecarregadocom neve de um posto de gasolina na cidade de Nanjing, nodomingo, disse a agência de notícias Xinhua. E uma pessoamorreu quando houve uma correria em uma estação de trem deGuangzhou, no sul. Ferrovias e estradas fechadas havia dias voltaram afuncionar e um número menor de vôos foi cancelado, disseram nasegunda-feira meios de comunicação oficiais. (Reportagem adicional de Ben Blanchard em Pequim)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.