China: EUA precisam respeitar interesse chinês na Ásia

O vice-presidente da China, Xi Jinping, garantiu a empresários norte-americanos nesta quarta-feira que a China vê bom bons olhos os esforços dos Estados Unidos em afirmarem sua influência na região da Ásia-Pacífico, mas também afirmou que Washington precisa respeitar os interesses e preocupações de Pequim na sua vizinhança.

AE, Agência Estado

15 de fevereiro de 2012 | 16h41

Xi está na linha sucessória para se tornar o próximo governante máximo chinês. Ele disse que as duas maiores economias do mundo "devem respeitar os seus interesses principais e suas preocupações". Xi falou durante um encontro empresarial entre os EUA e a China, antes de partir de Washington para Iowa e a Costa Oeste dos EUA. Ele também afirmou que os dois países precisam construir a confiança e a compreensão conjunta, reduzindo a desconfiança e as suspeitas.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.