China executa mais 10 condenados

Dez pessoas foram executadas na província de Shandong, leste da China, duas das quais responsáveis pelo massacre de uma família inteira, anunciou hoje a imprensa oficial do país. Duas pessoas foram executadas pelo assassinato de cinco integrantes de uma família e as outras oito por roubo a mão armada, segundo um veredito público realizado naquela província.Depois de abril de 2001, a China lançou uma grande campanha de repressão ao crime, pela qual já foram executadas 2.468 pessoas, segundo dados da Anistia Internacional (AI). O número de condenações à pena de morte na China é superior à soma de todas as demais realizadas no resto do mundo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.