China faz apelo contra escalada de tensão

A China fez um apelo ontem pela moderação da Coreia do Norte, um dia depois de Pyongyang ter denunciado todos os acordos de armistício com o Sul e os EUA. Na semana passada, o Conselho de Segurança das Nações Unidas impôs a quarta rodada de sanções contra o programa nuclear norte-coreano, decisão que o regime de Kim Jong-un respondeu com a revogação dos acordos e a ameaça de um "ataque nuclear preventivo" aos EUA. A chancelaria chinesa exortou o regime a "evitar uma nova escalada de tensão".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.