China fecha mês em déficit comercial pela primeira vez em 6 anos

China fecha mês em déficit comercial pela primeira vez em 6 anos

Dado pode reforçar o discurso chinês para manter a desvalorização de sua moeda

Efe

10 de abril de 2010 | 04h02

A balança comercial da China registrou um déficit de US$ 7,24 bilhões em março, primeiro mês de perdas em seis anos, informou a Administração Geral de Alfândegas.

 

Em fevereiro, o comércio chinês mostrou um superávit de US$ 7,6 bilhões, mas economistas e o próprio primeiro-ministro, Wen Jiabao, já tinham adiantado que no terceiro mês do ano a tendência da última meia década poderia ser revertida.

 

A notícia chega em momento muito oportuno para o governo chinês, que poderia usar o dado para defender sua política de não revalorizar o iuane, apesar de pressões dos Estados Unidos neste sentido.

 

Nas últimas três décadas, o país asiático dependeu das exportações, especialmente de produtos de baixo preço e valor agregado, para manter seu rápido crescimento econômico - em torno de 10% por ano - e se transformar na terceira economia mundial.

 

A crise financeira internacional causou uma forte redução das vendas chinesas ao exterior, por isso o país atualmente tenta mudar seu modelo para fomentar mais o consumo interno.

Tudo o que sabemos sobre:
PéquimChinacomércio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.