China impediu que caça derrubasse avião espião

Um piloto chinês, que assistiu a colisão em pleno vôo entre o avião de espionagem da Marinha americana e um caça chinês, pediu autorização dos seus superiores para derrubar o avião espião, de acordo com informações divulgadas nesta segunda-feira pelo jornal de Hong Kong, South China Morning Post, que cita fontes chinesas. Após ter o pedido de autorização negado, o piloto chinês, Zhao Yu, fez uma manobra para forçar o avião americano pousar no solo chinês e impedir sua fuga.Após a aterrissagem de emergência na base aérea de Hainan, os 24 membros da tripulação do avião espião americano foram detidos pelas autoridades chinesas. Na colisão com a aeronave americana, o piloto do caça chinês, Wang Wei, desapareceu no mar da China.Leia Também:Cheney reitera que EUA não pedirão desculpas

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.