China planeja ampliar punições por assédio

O governo da China planeja criar novas medidas de punição ao assédio sexual nos ambientes de trabalho do país. A atual legislação que define o crime, aprovada em 2005, ainda é considerada vaga e não estabelece penas específicas para diferentes casos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.