China: polícia captura três suspeitos de ataque

A polícia chinesa capturou os três suspeitos de envolvimento no ataque a facadas que matou 29 pessoas em uma estação de trem no sudoeste da China que ainda estavam foragidos, informou a mídia estatal nesta segunda-feira.

AE, Agência Estado

03 de março de 2014 | 13h08

Autoridades disseram que o ataque na cidade de Kunming, que deixou 143 pessoas feridas, foi promovido por separatistas da região de Xinjiang, no extremo oeste do país.

Citando um comunicado do Ministério da Segurança Pública do país, a agência estatal de notícias Xinhua afirmou que uma "gangue terrorista" de seis homens e duas mulheres, liderada por uma pessoa identificada como Abdurehim Kurban, foi apontada como responsável pelo ataque da noite de sábado. Conforme a Xinhua, a polícia baleou e matou quatro dos agressores e capturou uma suspeita ferida no local do ataque.

Xinjiang é palco de uma rebelião contra o domínio chinês por parte de alguns membros da minoria muçulmana uighur, e o governo respondeu reforçando a segurança.

A reportagem da Xinhua não identificou a etnia dos oito suspeitos ou como os três que estavam foragidos foram identificados e capturados. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaataqueestaçãosuspeitos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.