China prende executivo foragido após acumular dívidas

O presidente do Zhongdu Group, Yang Dingguo, foi encontrado pela polícia em Xiamen, na província de Fujian, na China, informou o National Business Daily. Yang estava foragido após o grupo controlado por ele acumular dívidas de 2 bilhões de yuans a instituições financeiras.

AE, Agência Estado

26 de junho de 2014 | 01h33

O jornal The Securities Daily informou que na segunda noite em que estava desaparecido, parentes e vários executivos seniores do grupo Zhongdu compraram 35 unidades de apartamentos luxuosos desenvolvidos pela empresa, com descontos de quase 50%. Câmeras de segurança também mostraram, antes do desaparecimento, a família de Yang carregando oito caixas dos escritórios da empresa, bem como três quilos de ouro e dois milhões de yuans em caixa. Fonte: Market News International.

Mais conteúdo sobre:
Chinaprisãoexecutivo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.