China promete reduzir burocracia no país em 2014

O governo da China vai continuar a reduzir os itens que precisam passar por aprovação do Estado em 2014, prometeu o gabinete chinês.

Agência Estado

08 de janeiro de 2014 | 14h32

As autoridades deverão se concentrar na eliminação de burocracia em algumas áreas como telecomunicações, água, transportes e educação online, disse o Conselho de Estado em um comunicado após a sua primeira reunião de 2014.

Acabar com os obstáculos administrativos e dar um papel mais importante para as forças do mercado são prioridades para primeiro-ministro Li Keqiang. Ele se comprometeu a reduzir em um terço as coisas que exigem aprovação até o final de seus primeiros cinco anos no poder.

O conselho vai publicar uma lista de itens que ainda necessitam de uma provação administrativa de todos os órgãos do governo. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaburocraciaredução

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.