China realiza acomplamento inédito de naves espaciais não-tripuladas

Técnica pioneira é considerada vital para que China dê início à construção de estação espacial.

BBC Brasil, BBC

03 de novembro de 2011 | 13h30

A China se tornou, nesta quinta-feira, o primeiro país a realizar com sucesso o acoplamento de duas naves espaciais não-tripuladas.

A técnica pioneira uniu a nave Shenzou 8 com o módulo Tiangong 1, a uma velocidade de 28 mil quilômetros por hora e a 343 acima da superfície da Terra.

A operação durou apenas meia hora e é considerada um passo decisivo para que a China possa vir a ter uma estação espacial permanente, no futuro. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.