China restringe entrada de alimentos vindos do Japão

A China proibiu certos alimentos e produtos agrícolas de cinco áreas do Japão, incluindo a cidade de Fukushima, devido às preocupações sobre a radiação, informou a Administração de Supervisão de Qualidade, Inspeção e Quarentena do país, em um comunicado divulgado hoje. A restrição abrange vegetais, frutas, leite e frutos do mar, especificou o órgão.

GABRIELA MELLO, Agência Estado

25 de março de 2011 | 10h33

As instituições locais de quarentena na China também devem intensificar os testes de radioatividade em itens alimentícios e agrícolas importados das regiões japonesas em questão, segundo a administração. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.