China retira 100 toneladas de peixes mortos de rio local

Autoridades retiraram cerca de 100 toneladas de peixes mortos que foram envenenados por amônia de uma fábrica de produtos químicos. O departamento de proteção ao meio ambiente da província de Hubei notou a grande quantidade de peixes mortos no Rio Fuhe, localizado na região central da China, na segunda-feira

AE, Agência Estado

04 de setembro de 2013 | 09h34

Segundo as autoridades, amostras da produção da empresa local Hubei Shuanghuan Science and Technology Stock mostraram que a densidade de amônia ultrapassou o padrão nacional. A empresa disse que não comentará imediatamente sobre o assunto.

As medidas inadequadas de controle sobre a indústria agravaram o problema da poluição da China. Outros incidentes neste ano envolveram mortes de animais em rios do país e contribuíram para a desaprovação pública e suspeitas sobre a segurança da água potável. Entre outros fatores, fora a poluição, o despejo de carcaças após abates de animais em fazendas também prejudicou a qualidade da água dos rios. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Chinapoluiçãopeixes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.