China retira 600 mil de rota de tempestade tropical

Meteorologistas calculam que o Fung-wong é o fenômeno mais forte formado este ano a atingir o país

Agência Estado,

29 de julho de 2008 | 10h06

Mais de 600 mil moradores do sudeste da China foram retirados pelas autoridades locais antes de a tempestade tropical Fung-wong atingir a região, informou a mídia local nesta terça-feira, 29.   O Fung-wong perdeu força no percurso entre Taiwan e a China pelo Estreito de Formosa e foi reclassificado de tufão para tempestade tropical no fim da noite de segunda-feira. A tempestade entrou na China pela cidade de Fuqing, na província de Fujiang, levando consigo fortes chuvas e ventos.   As autoridades de Fujian retiraram 274.300 pessoas e ordenaram o retorno de 52.300 barcos pesqueiros aos portos locais, informou o jornal Diário da China. Dezenas de vôos foram cancelados no aeroporto de Fuzhou. Na província vizinha de Zhejiang, mais 338 mil pessoas foram retiradas e 27.600 embarcações receberam ordem de aportar, informou por sua vez a agência de notícias Nova China.   Nas horas que antecederam a chegada do tufão, Fuqing registrou precipitações de 205 milímetros, prosseguiu a Nova China. Meteorologistas calculam que o Fung-wong seja a mais forte tempestade tropical formada este ano a atingir a China. A previsão é de que os ventos e as chuvas levados pela tempestade persistam na quarta.   Até o momento não há informações sobre vítimas do Fung-wong na China. Em Taiwan, duas pessoas morreram e seis desapareceram durante a passagem do tufão. Nas Filipinas, o Fung-wong deixou três desaparecidos em meio a enchentes e deslizamentos de terra. Fung-wong é a palavra em dialeto cantonense para Fênix. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
China

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.