China terá bispo com aprovação do papa

Um bispo será ordenado no próximo domingo na China, mas, diferentemente de duas ocasiões anteriores, desta vez com a aprovação do papa Bento XVI, informou a agência de notícias AsiaNews, que opera em Roma e é ligada à Santa Sé.O reverendo Paolo Pei Junmin será consagrado bispo adjunto da diocese de Shenyang, no nordeste da China, durante cerimônia numa catedral da cidade.As notícias sobre a nova ordenação surgem depois das consagrações, na última semana, de dois bispos chineses que não contavam com o aval de Bento XVI. A Igreja Católica na China é controlada pelo governo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.