Chinês se mata após 13 anos procurando o ídolo de sua filha

O pai de uma fã de Andy Lau, um dos atores e cantores mais populares entre as jovens asiáticas, cometeu suicídio depois de sua filha realizar o sonho de encontrar o ídolo, após 13 anos de tentativas, mas de forma insatisfatória.Segundo o jornal Novo Diário de Pequim, o pai, que se jogou no mar em Hong Kong, deixou uma carta de 12 páginas. Ele explicou que "não podia suportar mais a angústia de sua filha", e que seu suicídio era "uma forma de protesto contra Andy Lau" e uma forma de pressionar o astro a voltar a ver a sua filha."Estou insatisfeito porque Lau tratou a minha filha como uma fã a mais, não como uma admiradora especial, nem sequer falou com ela", explica a carta.Yang Lijuan, de 28 anos, nascida na província de Gansu, no norte da China, uma das mais pobres do país, começou a sentir uma autêntica obsessão por Lau aos 15 anos. Ela abandonou seus estudos e começou a colecionar fotos e notícias de seu ídolo.A jovem Yang se fechou em seu sonho, descartando amizades e namoros. Os pais tentaram convencer a menina a esquecer a sua obsessão, mas ela reagiu. Então, o pai decidiu ajudar a realizar o seu sonho.A família dependia da aposentadoria do pai, de apenas algumas centenas de iuanes por mês. Mas em 13 anos Yang juntou mais de 100 mil iuanes (US$ 13 mil) para atender à obsessão de sua filha.Para pagar a viagem a Hong Kong para ver o ídolo, o pai teve que se endividar com parentes e vender a sua casa. Chegou a pensar em vender os seus rins.A família conseguiu viajar duas vezes a Hong Kong e duas a Pequim para que a jovem tentasse falar com o ator, sem sucesso. Na quinta tentativa, no domingo passado, a fã e seu ídolo se conheceram tiraram uma foto no fã-clube do astro em Hong Kong. O pai havia entrado em contato com o grupo de admiradores para pedir ajuda.No entanto, na madrugada da segunda-feira, 26, o pai de Yang se suicidou. Ele se disse insatisfeito com o rápido encontro entre sua filha e Lau.Comentaristas do jornal consideram nesta quinta-feira o caso da jovem Yang "uma grave doença psicológica".Representantes de Lau disseram que o ator "já cumpriu o desejo da jovem no domingo".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.