Chipre diz que negociações com troika progrediram

Uma porta-voz do banco central do Chipre disse que as negociações com potenciais credores para resgatar o problemático setor bancário progrediram. Aliki Stylianou afirmou neste domingo que isso coloca o BC no caminho certo para recuperar a sua credibilidade, depois de perder bilhões de euros com a dívida grega.

AE, Agência Estado

18 de novembro de 2012 | 21h17

O Chipre pediu em julho ajuda financeira da Comissão Europeia, do Banco Central Europeu (BCE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI). Desentendimentos com a troika, como a privatização de estatais, persistem. Mas o resgate dependerá de quanto os bancos precisarão para se recuperar e um número preliminar deve ser divulgado no fim deste mês ou no início de dezembro.

A notícia surge após a agência de classificação de risco Moody''s ter alertado na sexta-feira que poderia rebaixar o rating do Chipre por causa do lento ritmo das negociações de resgate. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chiprenegociaçõesresgate

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.