Choque entre trem e ônibus deixa 28 mortos em Cuba

Acidente é considerado um dos mais graves na ilha nos últimos tempos

Efe,

07 de outubro de 2007 | 08h22

Pelo menos 28 pessoas morreram e outras 73 ficaram feridas, 15 delas em estado grave, na colisão neste sábado, 6, entre um trem de passageiros e um ônibus no leste de Cuba, informou a televisão local. O acidente ocorreu por volta das 11h45 (13h45 de Brasília) no povoado de Veguita, na província de Granma, localizada mais de 800 quilômetros ao leste de Havana.Os feridos foram internados nos hospitais Carlos Manuel de Céspedes, em Bayamo, e Celia Sánchez Manduley, em Manzanillo, ambos da província Granma. A emissora de TV local informou que foi iniciada uma investigação para apurar as causas do acidente, um dos mais graves na ilha nos últimos tempos. As autoridades de Granma se dirigiram imediatamente ao local do acidente, onde dezenas de pessoas prestaram socorro aos feridos e doaram sangue.O trem de passageiros fazia a rota entre as cidades de Santiago de Cuba e Manzanillo, e o ônibus viajava entre os povoados de Bayamo e Campechuela, segundo a televisão estatal.

Tudo o que sabemos sobre:
colisão entre trem e ônibus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.