Chuva e enchentes causam mortes na China e Índia

O número de mortos pelas enchentes no norte da China subiu para 38, segundo a agência oficial de notícias Nova China. Outras 34 pessoas estão desaparecidas na região. Ainda não se conhecem os locais da maioria das mortes, mas as vítimas começaram a surgir no dia 24 de agosto, quando as primeiras chuvas caíram cidade de Shaanxi. Houve deslizamentos e inundações por toda a região. Mais de 300 mil soldados foram destacados para compor equipes de salvamento.O leste indiano também foi afetado por inundações. Mais de 150 vilas foram atingidas e oito pessoas morreram. Pelo menos 901 vilas submergiram em todo o país e 3 mil casas estão sob ameaça de destruição. De acordo com o governo indiano, 2,2 milhões de pessoas foram afetadas pelas águas.Mais de 557 estradas indianas estão interditadas e o leito dos rios já subiu em mais de 600 diferente pontos, em toda a região leste indiana. Enquanto isso, o tufão Dujuan dirige-se para o sul da China, depois de ter provocado enormes complicações no aeroporto de Hong Kong, fechar escolas e o comércio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.