Chuvas causam 280 mortes na Índia e no Paquistão

O número de mortes por deslizamentos de terra e enchentes provocados por fortes chuvas de monções subiu para 280 no norte da Índia e no Paquistão, disseram autoridades dos dois países neste domingo.

AE, Estadão Conteúdo

07 de setembro de 2014 | 15h05

Cinco dias de chuva incessante na Caxemira indiana já mataram pelo menos 120 pessoas na pior enchente na região em mais de cinco décadas, inundando centenas de aldeias e provocando deslizamentos de terra. No vizinho Paquistão, mais de 160 pessoas morreram e milhares de casas desabaram. Um funcionário do governo assinalou que a situação estava se tornando uma "emergência nacional".

Equipes de resgate em ambos os países usavam helicópteros e barcos para tentar chegar até dezenas de milhares de pessoas que estão isoladas em suas casas, enquanto as águas continuavam subindo e deixavam muitas aldeias submersas.

Paquistão e Índia sofrem enchentes generalizadas todo ano durante a temporada de monções, que vai de junho a setembro. Em 2010, enchentes mataram 1,7 mil pessoas no Paquistão. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.