CIA fecha departamento que procurava Bin Laden, diz jornal

Nos Estados Unidos, o jornal The New York Times destaca a revelação de que a CIA (agência secreta americana) fechou a unidade voltada para a captura do líder da Al-Qaeda, Osama bin Laden.Fontes da CIA disseram ao NYT que a decisão reflete "uma visão de que a Al Qaeda não é tão hierárquica quanto antes", e uma preocupação de que "grupos inspirados pela Al-Qaeda tenham começado a realizar ataques independentemente de Bin Laden e seu vice, Ayman al-Zawahiri".A unidade estava em operação há dez anos, quando o nome do dissidente saudita ainda não era conhecido mundialmente e muito antes de o presidente George W. Bush prometer capturá-lo "vivo ou morto", logo após os ataques de 11 de setembro de 2001 aos EUA.Caça continuaO fechamento teria ocorrido no final do ano passado, mas só foi confirmado nesta Segunda-feira. Uma porta-voz da agência, Jennifer Millerwise, defendeu a decisão e enfatizou que os esforços para encontrar Bin Laden "continuam mais fortes do que nunca".O New York Times lembra que a guerra no Iraque está colocando pressão sobre os recursos do Pentágono e criando novas prioridades - por exemplo, parte da equipe que procurava Bin Laden foi redirecionada para Abu Musab al-Zarqawi, morto recentemente em uma operação militar no Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.