CIA suspende técnicas de interrogatório, diz jornal

O jornal The Washington Post informou em sua edição de hoje que a CIA suspendeu o uso de alguns métodos de interrogatório agressivos autorizados pela Casa Branca para extrair informações de supostos seguidores da rede extremista Al-Qaeda. Citando fontes não identificadas, o diário noticiou que as técnicas de interrogatório estão suspensas até que sejam revistas pelo Departamento de Justiça e outras autoridades jurídicas.Também hoje, o papa João Paulo II pediu uma proibição total aos atos de tortura quepersistem ao redor do mundo. O pontífice fez a declaração em seu sermão semanal a fiéis na Praça São Pedro para marcar o Dia Internacional de Apoio às Vítimas de Tortura, celebrado ontem. Sem especificar país ou grupo político, João Paulo II pediu "um compromisso comum das instituições e dos cidadãos para proibir totalmente essa intolerável violação dos direitos humanos, totalmente contrária à dignidade humana".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.