Cidade na Argentina proíbe os prostíbulos

A cidade argentina de Córdoba proibiu o funcionamento de cabarés e clubes noturnos que serviam de fachada para a prostituição. A nova lei estabelece uma pena de 2 meses de prisão para os donos de estabelecimentos que a descumprirem.

O Estado de S.Paulo

01 de junho de 2012 | 03h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.