Cidade nos EUA proíbe árvore de Natal em prédios públicos

O condado americano de Pasco proibiu a instalação de árvores de Natal em prédios e logradouros públicos, depois que a promotoria local decidiu que os enfeites são símbolos religiosos. A decisão desagradou a muitos habitantes do condado, localizado ao norte de Tampa, no Estado da Flórida. "Tudo isso é uma loucura", disse Marijane Graham, de 67 anos. "Tenho certeza que muitos ateus também celebram o Natal apenas pelo espírito de união e paz. Nunca li sobre árvores de Natal na Bíblia, nem sobre papai Noel".Previamente, o condado havia proibido o uso de símbolos religiosos em prédios públicos, mas manteve as árvores de Natal. O promotor local reconsiderou a medida e decidiu que a árvore também deve ser considerada um símbolo religioso. O Centro Americano para Lei e Justiça, fundado pelo pastor evangélico Pat Robertson, apresentou um pedido para que a decisão seja revertida. Para o centro, a árvore de Natal deve considerada um símbolo secular de um feriado nacional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.