Cientistas identificam dinossauro de 10 centímetros

Cientistas dos Estados Unidos identificaram o menor dinossauro já descoberto na América do Norte. A criatura pesava menos de 900 gramas e tinha cerca de 10 centímetros de altura e 60 centímetros de comprimento, disse Luis Chiappe, diretor do Instituto Dinossauro do Museu de História Natural de Los Angeles, onde os fósseis estavam guardados.

AE-AP, Agencia Estado

21 de outubro de 2009 | 20h03

O dinossauro "teria parecido com um papa-léguas que tivesse tomado esteroides", disse Chiappe. Ele provavelmente comia plantas e caçava insetos no período Jurássico, há cerca de 150 milhões de anos. Era um pequeno e veloz que provavelmente passava por baixo das pernas dos dinossauros maiores, dizem os cientistas.

Ossos de quatro animais pré-históricos, incluindo fragmentos de crânio, braço e perna, foram descobertos há três décadas em Fruita, no oeste do Colorado, e mantidos desde então no museu. Chiappe e uma equipe internacional recentemente identificaram as amostras e deram ao animal o nome de Fruitadens haagarorum, uma combinação do nome do local da descoberta com o do curador do museu, Paul Haaga.

A descrição científica do dinossauro aparece na edição de hoje da revista britânica "Proceedings of the Royal Society B: Biological Sciences". Meses atrás, pesquisadores canadenses informaram a descoberta de um dinossauro do tamanho de um frango, que pesaria cerca de dois quilos.

Tudo o que sabemos sobre:
arqueologiadinossaurofóssilmuseuEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.