Cinco americanos morrem em emboscada em Bagdá

Cinco soldados americanos foram mortos e cinco ficaram feridos numa explosão no leste de Bagdá, informam fontes militares. Os dez eram membros da Força-Tarefa Bagdá, composta principalmente de soldados da 1ª Divisão de Cavalaria, disse o tenente-coronel James Hutton, porta-voz da divisão. Os veículos com os soldados viram-se sob ataque às 13h12 (hora local) na Rua Palestina, perto do bairro xiita de Sadr City. Imagens em vídeo feitas pela Associated Press Television News mostram um blindado em chamas e uma grande nuvem de fumaça negra. Pelo menos três corpos aparecem no chão. Seis outros soldados são vistos transportando os cadáveres e vigiando o perímetro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.