Cinco igrejas são atingidas por bombas no Iraque

Uma série de bombas explodiu em cinco igrejas localizadas em diferentes partes de Bagdá, na madrugada deste sábado, sem deixar feridos. Além disso, um projétil de morteiro explodiu no jardim em frente a um hospital, causando uma morte. Outro míssil atingiu o estacionamento de um hotel. Não há notícia de vítimas. As explosões diante das igrejas ocorreram em rápida sucessão, a partir das 4h. A primeira aconteceu na Igreja de São José, na área de Nafaq Al-Shurta, disse o porta-voz do Ministério do Interior, coronel Adnan Abdul-Rahman. Foram atingidos ainda o templo de São Jacó e São Jorge, no bairro de Doura; a Igreja de Roma, em Karrada; e a de Santo Tomás, na área de Mansour. Segundo Abdul-Rahman, houve alguns danos externos, especialmente nas janelas e vitrais. Os soldados americanos esperam uma onde da violência em breve, por conta do início do mês santo de Ramadã. Em agosto, vários ataques coordenados atingiram quatro igrejas de Bagdá e uma de Mossul, deixando pelo menos sete mortos e dezenas de feridos, na primeira ofensiva realizada contra a minoria cristã do Iraque, desde os Estados Unidos invadiram o país.

Agencia Estado,

16 Outubro 2004 | 03h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.