Cinco imigrantes são condenados por complô

Cinco imigrantes muçulmanos foram declarados ontem culpados de conspirar para assassinar militares em uma base do Exército americano em Fort Dix (New Jersey). Os cinco homens, com idades entre 23 e 30 anos, foram absolvidos por um júri federal das acusações de tentativa de assassinato e de ligações com grupos terroristas. Eles foram presos em maio de 2007, após agentes do FBI infiltrados gravarem conversas dos acusados planejando o ataque, que nunca foi executado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.