Cinco policiais e dois trabalhadores foram mortos no Peru

Cinco policiais e dois trabalhadores da Empresa Nacional da Coca (Enaco) morreram neste sábado nas mãos de supostos terroristas no departamento peruano de Ayacucho, informaram fontes oficiais.Os policiais e os trabalhadores foram assassinados quando visitavam a localidade de Rosario Machente como parte da campanha de erradicação e substituição de cultivos ilegais de folha de coca.Segundo a informação, os policiais e os trabalhadores estavam em um comboio que sofreu uma emboscada no quilômetro 130 da estrada Curral-Rio Apurímac.Após o ataque, os terroristas fugiram da zona levando o armamento dos policiais.O grupo armado Sendero Luminoso mantém pequenos remanescentes de suas forças em Ayacucho, que, segundo os especialistas, oferecem segurança aos narcotraficantes em troca de armamento e provisões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.