Cinquenta pessoas monitoradas em Dallas devido ao ebola

Autoridades médicas no Texas informaram que reduziram para 50 o número de pessoas monitoradas por terem tido contato com o paciente infectado com ebola internado na cidade de Dallas.

Estadão Conteúdo

03 de outubro de 2014 | 17h05

O comissário de Saúde do Texas, David Lakey, afirmou nesta sexta-feira que todos estão se encontrando com profissionais de saúde e tendo suas temperaturas monitoradas diariamente e até o momento não mostraram sintomas do vírus. Dez pessoas foram classificadas com "alto risco" de contaminação e estão sendo monitoradas mais de perto.

Profissionais de saúde inicialmente contactaram 100 pessoas que tiveram contato direto com o paciente Thomas Eric Duncan ou pessoas próximas a ele. Equipes estão trabalhando na descontaminação do apartamento em Dallas onde Duncan ficou antes de ser hospitalizado no domingo. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAebolamonitoramento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.