Cinza vulcânica pode afetar tráfego aéreo do Reino Unido

Vulcão Grimsvotn, no sudeste da Islândia entrou em erupção no último sábado

Agência Estado

23 de maio de 2011 | 08h55

Grimsvotn, vulcão mais ativo da Islândia lançou colunas de fumaça de 200 m de altura.

 

LONDRES - Uma nuvem de poeira vulcânica vinda do vulcão Grimsvotn, na Islândia, pode atingir o tráfego aéreo da Irlanda e do Reino Unido hoje, no fim do dia, ou amanhã, disse nesta qsegunda-feira, 23, Helen Kearns, porta-voz da Comissão Europeia. O vulcão entrou em erupção no sábado e ontem as autoridades da Islândia fecharam os principais aeroportos do país e restringiram voos. Uma parte do espaço aéreo da Groenlândia, território autônomo da Dinamarca, também foi fechada.  

 

Veja também:

linkEspaço aéreo islandês é fechado por causa de vulcão

linkCinzas vulcânicas obrigam Obama a antecipar viagem

som Estadão ESPN: Vulcão em erupção pode mudar curso da F-1

 

"Existe a possibilidade de a poeira vulcânica atingir o espaço aéreo europeu, começando pela região nordeste, como Reino Unido e Irlanda, possivelmente hoje ou amanhã", afirmou Kearns. Segundo ela, ainda é cedo para fazer previsões sobre como a poeira vulcânica poderia afetar outras partes da União Europeia.

 

O Grimsvotn é o vulcão mais ativo da Islândia. Localizado no centro da grande geleira de Vatnajoekull, ele entrou em erupção no sábado, enviando uma coluna de fumaça a até 20 quilômetros de altura. As cinzas logo cobriram vilas e fazendas próximas e, na manhã de ontem, chegaram à capital, quase 400 quilômetros a oeste.

 

Aeroportos na Islândia

 

A companhia aérea Icelandair afirmou hoje que o principal aeroporto da Islândia, o Aeroporto Internacional Keflavik, será reaberto nesta noite. Os horários dos voos devem estar normalizados amanhã, segundo a empresa.

 

O Keflavik está fechado desde a manhã de ontem, por causa das cinzas lançadas na erupção do vulcão islandês Grimsvoth. Caso as últimas previsões do tempo e sobre a direção das cinzas estiverem corretas, não deve haver mais erupções.

 

A Icelandair estimou que o efeito da paralisação em seus lucros será mínimo e informou que sua previsão de lucros no período segue inalterada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.