Civis são mortos em bombardeio aéreo na Colômbia

Parentes desesperados e voluntários organizaram nesta sexta-feira a evacuação de civis feridos - aparentemente por acidente - num bombardeio da Força Aérea colombiana numa área remota da selva colombiana. Três civis, incluindo duas crianças, morreram no bombardeio.Testemunhas disseram que um pai e seu filho de dois anos morreram no bombardeio, ocorrido na quinta-feira em La Ye. Seis civis ficaram feridos - alguns seriamente - durante a investida do governo contra a fortaleza rebelde. Uma menina de dez anos morreu durante a noite, por causa dos ferimentos recebidos.O bombardeio de La Ye traz à tona a saga deste país da América do Sil, onde a presença do governo é escassa em grandes áreas rurais, alvo de disputa entre as várias partes em conflito. O ataque aconteceu depois que o governo suspendeu as conversações de paz com os rebeldes e deu início às operações para retomar a área rebelde que havia sido cedida para eles num gesto de paz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.