Clima frio atrapalha viagens para o ano-novo chinês

Estradas tomadas por neve e gelo têm causado problemas em partes do sul e leste da China antes do feriado do ano-novo, que desencadeia a maior migração anual do mundo. A neve e a chuva de granizo nos aeroportos das cidades do leste e sudoeste impediram centenas de pessoas de seguir viagem nesta semana, informou hoje a agência de notícias oficial Xinhua.

AE, Agência Estado

20 de janeiro de 2011 | 14h39

Cerca de 230 milhões de pessoas devem viajar durante o ano-novo chinês. Para muitos, esta é a única visita aos parentes durante o ano. O período oficial começa nesta semana e vai até 27 de fevereiro. O ano-novo chinês, que segue o calendário lunar, começa no dia 3 de fevereiro.

Em anos anteriores, tempestades de neve impediram milhões de trabalhadores e estudantes de viajar para casa. Mais neve e granizo devem atingir partes do norte e oeste da China até domingo, informou o serviço nacional de meteorologia. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaano-novofriotranstornos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.