Cocaleiros levam tensão a La Paz

Grupos pró e contra vice-ministro da Coca trocam insultos

AFP, O Estadao de S.Paulo

07 de setembro de 2004 | 00h00

La Paz - Um briga entre produtores e vendedores de coca tomou conta ontem das ruas de La Paz. Os dois setores marcaram manifestações distintas em partes diferentes da cidade, mas se encontraram por volta do meio-dia diante do Vice-Ministério da Coca. A polícia estava no local e conseguiu impedir um conflito.Os vendedores pedem a destituição do vice-ministro de Coca, Gerónimo Meneses, e de outras autoridades do setor que se negam a revalidar licenças de comercialização do produto. Mas os produtores da região de Yungas, apóiam esses funcionários - e querem romper o monopólio da Federação Nacional de Comerciantes Varejistas de Folha de Coca. A Bolívia tem 20 mil hectares de coca, dos quais 12 mil estão em Yungas. As folhas dessa região são legais para o consumo tradicional.Também ontem, fracassou a tentativa do governo de reunir líderes de La Paz e Sucre para dialogar em Cochabamba sobre a reivindicação sucrense de voltar a abrigar as sedes do governo e do Parlamento. Os sucrenses não compareceram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.