Coleção de joias do Titanic é exposta ao público nos EUA

A maior coleção de joias recuperadas do Titanic estará pela primeira vez exposta ao público desde que foi resgatada do mar, há 25 anos.

AE, Agência Estado

12 de novembro de 2012 | 13h14

O objetivo da mostra, que passará por três cidades norte-americanas, é apresentar ao público as maravilhas da exploração, de acordo com a vice-presidente das coleções do RMS Titanic, Alexandra Klingelhofer. "Somos capazes de fazê-los imaginar como deve ter sido encontrar as belas joias do período Eduardiano."

A exposição de joias foi acrescentada à mostra "Titanic: Exibição de artefatos", aberta este ano em Atlanta, na Georgia, para comemorar o centésimo aniversário do naufrágio do Titanic em 15 de abril de 1912.

As joias são de uma única bolsa encontrada em uma missão de busca em 1987. A coleção inclui anéis de diamante e safira, broches, colares, abotoaduras e um relógio de bolso de ouro. Os curadores têm estudado e preservado as peças para um melhor entendimento das vidas individuais dos passageiros. As joias também serão expostas em Orlando, na Flórida e em Las Vegas. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUATitanicexposição

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.