Colégio sofre ameaça no Canadá

Horas após o massacre em uma escola na Finlândia, um aluno de 16 anos entrou em uma escola cristã na cidade de Regina, no centro do Canadá, e ameaçou 400 estudantes e funcionários com uma arma de pressão. A polícia conseguiu dominar e prender o aluno, que havia sido expulso da escola, e ninguém ficou ferido.Segundo o aluno Alex McNair, seu colega colocou a arma na cabeça do pastor, obrigando o religioso a ler uma carta na qual falava sobre sua expulsão e sobre como ele era importunado pelos colegas. "Estava completamente transtornado", disse McNair. As autoridades ainda estão investigando se o aluno canadense inspirou-se no massacre na Finlândia para ameaçar os colegas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.