Colisão entre ônibus e caminhão tanque deixa 32 mortos no Paquistão

Os acidentes de trânsito são frequentes no Paquistão, especialmente onde a infraestrutura é precária

Efe,

23 de janeiro de 2011 | 10h47

Equipe de resgate observa estrago provocado pela colisão na região de Sindh, no sul do país

 

ISLAMABAD - Pelo menos 32 pessoas morreram neste domingo, 23, após a colisão entre um ônibus e um caminhão tanque na região de Sindh, no sul do país. O acidente aconteceu durante a madrugada no distrito de Hyderabad.

 

O motorista perdeu o controle do veículo em uma estrada próxima à localidade de Nuriabad, e se chocou contra o caminhão tanque, que pegou fogo. A explosão destruiu o ônibus por completo.

 

Não há informações sobre o número de feridos e nem uma confirmação oficial da quantidade de passageiros que viajam pela linha.

 

Os acidentes de trânsito são relativamente frequentes no Paquistão, especialmente nas zonas em que a infraestrutura é precária.

Tudo o que sabemos sobre:
Paquistãoacidentecaminhão tanque

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.