Colômbia apreende US$ 54 mi de cartel de drogas

Uma série de operações realizadas pela polícia colombiana resultou na apreensão de US$ 54 milhões (cerca de R$ 115 milhões) em dinheiro e ouro do maior cartel de drogas da Colômbia.O dinheiro é fruto de carregamentos enviados pelo cartel Norte del Valle, que, segundo o governo americano, mandou mais de 500 toneladas de cocaína para os Estados Unidos.Os primeiros US$ 19 milhões foram encontrados embrulhados a vácuo em pacotes escondidos atrás de um falso muro em Cali e o restante estava espalhado em outras três localidades da cidade.O presidente Álvaro Uribe parabenizou a polícia pela "grande realização"."Este é um passo positivo em direção a uma Colômbia sem organizações rebeldes, sem paramilitares, sem traficantes de drogas ou corrupção", disse ele a jornalistas.Autoridades da Administração de Coerção a Drogas dos Estados Unidos teriam participado das operações com a polícia colombiana, que teriam sido geradas por denúncias.CulpadoDe acordo com o correspondente da BBC em Bogotá Jeremy McDermott, as operações vão irritar os traficantes, mas a polícia não acredita que elas interrompam as operações de tráfico de drogas.Com 20 pessoas presas nestas ações, o cartel Norte del Valle agora vai procurar desesperadamente a fonte do vazamento das informações que levaram às prisões e apreensões, diz o repórter.O cartel Norte del Valle se tornou a organização de tráfico de drogas mais poderosa da Colômbia após o desmantelamento dos cartéis de Medellín e Cali nos anos 80 e no início dos anos 90.Fonte da maior parte da cocaína mundial, a Colômbia recebe bilhões de dólares e euros todos os anos da indústria internacional de drogas.

Agencia Estado,

19 de janeiro de 2007 | 02h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.