Colômbia: Farc e governo retomam negociações de paz

O governo colombiano e o grupo guerrilheiro Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) retomaram nesta terça-feira as negociações de paz em Havana.

AE, Agência Estado

23 de abril de 2013 | 13h45

Representantes dos dois lados do mais longo conflito em andamento no continente americano chegaram à capital cubana manifestando o desejo de acelerar o processo de paz depois de um recesso de um mês.

Os negociadores disseram estar próximos de um acordo sobre um dos principais contenciosos: a reforma agrária.

Iván Márquez, chefe da delegação das Farc, qualificou hoje o processo de paz como "irreversível".

Já o chefe da delegação do governo, Humberto de la Calle, declarou-se otimista em relação ao futuro da proposta de reforma agrária a ser apresentada às Farc. Os detalhes da proposta não foram divulgados.

As negociações de paz entre o governo colombiano e as Farc tiveram início em outubro do ano passado em Oslo. Depois, a sede do diálogo foi transferida para Havana.

Cuba e Noruega têm atuado como fiadores das negociações para encerrar o conflito iniciado há meio século. Chile e Venezuela participam como observadores. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ColômbiaFarcnegociações

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.