Combates na fronteira colombiana deixam 2 mortos

Enfrentamentos entre milícias paramilitares da Colômbia e membros da Guarda Nacional Venezuelana na fronteira entre os dois países deixaram dois venezuelanos mortos. De acordo com informações da BBC, há discussão sobre em qual dos países o combate aconteceu, agravando ainda mais as tensões já existentes.Os soldados da Venezuela alegam que atiraram nos paramilitares colombianos que se recusaram a parar num posto de controle venezuelano. Os milicianos da Colômbia, por sua vez, insistem em que os embates aconteceram em solo colombiano, e que soldados venezuelanos teriam cruzado a fronteira do país.As relações entre os dois países são bastante fracas, pois as forças de segurança da Colômbia acreditam que o presidente venezuelano, Hugo Chávez, simpatiza - ou até mesmo apóia - as guerrilhas marxistas colombianas, fazendo vista grossa à sua presença na Venezuela. Os venezuelanos acusam os colombianos, ainda segundo a BBC, de não patrulharem a fronteira, permitindo que a guerra civil colombianoa seja travada em solo estrangeiro, no caso, a Venezuela.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.